Buscar: Em:
Brasileiro de Motocross - Domínio da Yamaha
 

  Carlos Campano
Danyllo Proto/Yamaha   
16/09/2018

A Yamaha Monster Energy Geração ganhou todas as principais categorias da 6ª etapa do Brasileiro de Motocross 2018, neste domingo, 16, em Morrinhos, Goiás.
A primeira grande comemoração do dia veio com a vitória de Tallys Nathan na MX2-Junior, garantindo o bicampeonato brasileiro da categoria com duas rodadas de antecedência.
O piloto de Santa Cruz do Capibaribe abriu 52 pontos na liderança e, restando duas rodadas e 50 pontos em jogo, jamais será alcançado por outro piloto.
Carlos Campano faturou a principal categoria, MX1, aumentando sua vantagem na liderança do campeonato, e ainda ganhou a prova final, da classe Elite MX.
Fabio Santos foi o melhor piloto da MX2 no fim de semana. Estreando a YZ 250F 2019, ganhou a primeira bateria de ponta a ponta e foi o melhor de 250cc da classe na Elite MX, garantindo 50 pontos no domingo. Assim, diminuiu para 3 pontos sua diferença para o líder Pepê Bueno, que foi o segundo colocado na etapa.
Jean Ramos teve um fim de semana mais difícil e terminou na oitava colocação da MX1. O atleta havia sofrido um acidente no início da semana e ainda sentia dores no ombro.

Confira abaixo os resultados 

 


Resultados da 6ª etapa

MX1
1. Carlos Campano (2-1) 47 pontos
2. Jetro Salazar (1-2) 47 pontos
3. Humberto Martin (5-3) 36 pontos
4. Paulo Alberto (3-5) 36 pontos
5. Hector Assunção (4-7) 32 pontos


MX2
1. Fabio Santos (1-1) 50 pontos
2. Pepê Bueno (3-2) 42 pontos
3. Lucas Dunka (2-3) 42 pontos
4. João Ribeiro (4-4) 36 pontos
5. Leo Souza (5-6) 31 pontos


Elite MX
1. Carlos Campano / 25 pontos
2. Jetro Salazar / 22 pontos
3. Humberto Martin / 20 pontos
4. Dudu Lima / 18 pontos
5. Fabio Santos / 16 pontos


MX2
1. Tallys Nathan / 25 pontos
2. Joaquim Neto / 22 pontos
3. Renan Goto / 20 pontos
4. Vanderlei Junior / 18 pontos
5. João Xavier / 16 pontos

+ Clique aqui para ver os resultados completos

 


Classificação após 6 etapas

MX1
1. Carlos Campano / 244 pontos
2. Jetro Salazar / 229 pontos
3. Paulo Alberto / 228 pontos
4. Hector Assunção / 182 pontos
5. Jean Ramos / 180 pontos



MX2
1. Pepê Bueno / 222 pontos
2. Fabio Santos / 219 pontos
3. Lucas Dunka / 205 pontos
4. João Ribeiro / 167 pontos
5. Gustavo Pessoa / 137 pontos



Elite MX
1. Jetro Salazar / 113 pontos
2. Paulo Alberto / 108 pontos
3. Carlos Campano / 105 pontos
4. Jean Ramos / 69 pontos
5. Hector Assunção / 68 pontos



MX2-Junior
1. Tallys Nathan / 145 pontos
2. Vanderlei Junior / 93 pontos
3. Bruno Schmitz / 91 pontos
4. João Xavier / 62 pontos
3. João Lino / 80 pontos

Fotos
Podio da MX2  
Danyllo Proto/Yamaha   

Deixe seu comentário sobre a notícia

Seu nome/apelido:
Seu comentário:
Digite o que você vê na imagem abaixo: *