Buscar: Em:
Mineiro vence mais uma especial e assume liderança do Rally dos Sertões
 

  Tunico maciel
Marcelo Machado de Melo/Fotop/Vipcomm  
20/08/2018

Tunico Maciel venceu a segunda especial do Rally dos Sertões, disputada nesta segunda-feira (20) entre as cidades goianas de Formosa e Posse. O piloto, que compete com uma Honda CRF 450RX, completou os 307 quilômetros cronometrados da etapa em 3h28min28s. De quebra, o resultado o mantém na liderança da prova, já que o piloto venceu a especial realizada no domingo.


A segunda posição do dia ficou com Gregório Caselani, que foi nove segundos mais lento em relação ao tempo de Maciel. Ricardo Martins terminou a especial com o terceiro melhor tempo, sendo seguido por Jean Azevedo, que tenta seu oitavo título no Rally dos Sertões. O grupo dos cinco melhores ainda contou com Mário Marchiori.


Após a realização da segunda especial, Tunico Maciel lidera o Rally dos Sertões nas motos, com um tempo acumulado de 8h22min54s, marca que lhe dá uma vantagem de 4min29s em relação ao segundo colocado, Ricardo Martins. Jean Azevedo é o terceiro, com um atraso de 7min18s, e é seguido por Túlio Malta, quarto colocado com uma desvantagem de 13min17s. Gregório Caselani fecha o top-5, 15min51s atrás de Maciel.


O Rally dos Sertões terá prosseguimento nesta terça-feira (21), com a realização da terceira especial da 26ª edição. A caravana deixará Posse (GO) e chegará em Luís Eduardo Magalhães (BA), em um percurso total de 350 quilômetros, sendo 255 quilômetros deles cronometrados.


Após um pequeno deslocamento, a especial começa travada e sinuosa, variando pequenos trechos de areia com piçarra. Terão muitos mata-burros. A especial fica rápida em estradas mais largas no segundo quarto. Da metade pra frente, ela volta a ficar travada, com estradas menores e alguns cruzamentos de pastagens.


No último quarto da prova, após a subida da serra, os competidores entrarão em zonas agrícolas, com longas retas e altíssimas velocidades. Nos últimos cinco quilômetros, o trecho volta a ficar travado até o final.


O equilíbrio e o alto nível técnico são características da categoria para UTVs. Tanto que apenas pouco mais de três minutos separam os três primeiros colocados da tabela. “Estamos no início do Rally dos Sertões e ninguém pode bobear. É preciso estar atento o tempo todo, já que tudo pode acontecer”, afirmou o paulista Reinaldo Varela.

Os vice-líderes são Enrico Amarante e Breno Rezende, seguidos por Deni Nascimento e Idali Bosse - que venceram a segunda etapa e contam com o patrocínio da concessionária BRP Sanautica.


“Depois de um início travado, a especial do dia exigiu muita força e velocidade do nosso Can-Am Maverick X3”, observou Nascimento. “Precisamos manter o foco nas próximas etapas, é assim que os resultados vão aparecer”, concluiu o catarinense.    


O Rally dos Sertões é organizado pela Dunas Race e tem patrocínio da Mitsubishi Motors,  Honda, Divino Fogão e Caixa. Apoio institucional: Detran Goiás, Estado de Goiás, Secretaria de Turismo de Fortaleza, Prefeitura de Fortaleza e Conselho Nacional do SESI. Apoio: Cartões ELO, Fox Sports, Truckvan, S.A.S. Brasil, Infraero, Vigor, Fotop, Arco Media, 99 e Jovem Pan Goiânia e Fortaleza.

Fotos
Ricardo Martins  
Marcelo Machado de Melo/Fotop/Vipcomm  
Reinaldo Varela/Gustavo Gulgimin  
Marcelo Machado de Melo/Fotop/Vipcomm  

Deixe seu comentário sobre a notícia

Seu nome/apelido:
Seu comentário:
Digite o que você vê na imagem abaixo: *