Buscar: Em:
Grecco vence Enduro das Neves
 

  
  
26/06/2018

Final de semana para comemorar em Santa Catarina. Em uma prova longa e com muitos desafios, os pilotos Jomar Grecco e Fábio Coelho Amaral, da Equipe Yamaha O2BH Racing conquistam importantes vitórias e abrem vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro.

O bicampeão brasileiro Jomar Grecco chegou na cidade de Braço do Norte na segunda colocação na classificação, sabendo que não poderia cometer erros nesta reta final do campeonato. E a pressão aumentou pelo fato de ter sido o piloto a abrir a prova, já que foi o primeiro a largar.

“No sábado a prova já foi muito boa, mas como fui o primeiro piloto a largar e com o campeonato chegando em sua reta final, andei um pouco mais apreensivo, sabendo que não podia errar e com medo de me machucar ou danificar o equipamento, então não quis arriscar muito. Fui crescendo durante prova, fiz um terceiro lugar na parte da manhã e fechei com um segundo lugar à tarde. Foi um dia longo, com muita trilha, e o começo da prova tinha muita navegação. Na parte da tarde as médias estavam mais apertadas, uma prova bem mais rápida. Como estava com a WR 450F, não tive dificuldade nenhuma em andar nas médias altas e fechar o primeiro dia de prova na segunda colocação”, relatou o capixaba.

Com o resultado do sábado, o tetracampeão do Enduro da Independência assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro na Categoria Master. E no domingo, aumentou o ritmo para garantir outro bom resultado.

“O segundo dia foi um pouco mais curto, com 135 kms de prova. A primeira parte foi uma prova bem pra frente e também com médias muito altas. Da mesma forma do primeiro dia, não tive muita dificuldade para cumprir as médias. Como larguei na quinta posição, tive mais confiança para acelerar, sabendo que meus concorrentes estavam à frente. A segunda parte do dia era bem travada, com muita trilha dentro de matas, muito roteiro e bem liso. Consegui manter o ritmo e fechei com a vitória nas duas etapas do dia. Não é porque venci a prova, mas ela foi sensacional!”, continuou Jomar Grecco.

Depois de começar a temporada com a Yamaha WR 250F, o atual líder do campeonato optou por encarar a segunda metade do campeonato com a Yamaha WR 450F. Tem dado certo, já que são duas vitórias seguidas, no Enduro da Polenta e no Enduro das Neves, e o piloto não só assumiu a liderança da competição, como abriu uma pequena vantagem.

“Eu vinha de uma lesão e de uma cirurgia, por isso optei por começar com a WR 250F, que é bem mais dócil e fácil de andar, com um motor mais tranquilo. À medida que vim adquirindo confiança, optei por mudar para a WR 450F e tive uma grande surpresa. Me encaixei na moto, ela é muito fácil de andar e tem muito motor, ao mesmo tempo que é muito elástica e dócil também, com uma suspensão fantástica. A moto tem me ajudado bastante. Estou feliz demais com o resultado, assumo definitivamente a liderança do campeonato e consegui abrir uma pequena vantagem pra última etapa do campeonato, que acontece no Espirito Santo. Se Deus quiser, vamos conquistar o tricampeonato brasileiro”, finalizou o Campeão do 12º Enduro das Neves, que abriu agora 11 pontos de vantagem na liderança do Campeonato na Categoria Master.

Quem também tem muitos motivos para comemorar é o mineiro Fábio Coelho Amaral, que conquistou mais uma vitória na temporada. O Campeão do Enduro da Independência na Categoria Brasil segue imbatível no campeonato e agora está com o título praticamente garantido.

“O Enduro foi muito top e a organização fantástica. As trilhas e o percurso da prova foram muito bem escolhidos, com as médias bem justas, onde não dava pra vacilar. O primeiro dia foi bem longo, com médias altas e bem exigente, apesar do terreno mais seco na maior parte da prova. Foram cerca de sete horas e meia de prova. Já o segundo dia foi bem frio e muito escorregadio. Consegui imprimir um bom ritmo nos dois dias e não cometi erros, deu tudo certo no final de semana. O fato das médias estarem bem puxadas acho que me favoreceu, a TT-R 230 se portou muito bem e andou muito, consegui ser muito rápido com ela, já que é bem ágil, principalmente nas trilhas dentro de matas, com boas respostas nas retomadas de aceleração”, disse o mineiro, que lidera o campeonato desde a primeira etapa. Com um ritmo impressionante, Fábio Amaral venceu 14 das 16 etapas que disputou e na última etapa participa praticamente para cumprir tabela, já que pelo regulamento, não pode ser descartada.

A última prova do Campeonato está marcada para os dias 21 e 22 de Julho, na cidade capixaba de Viana, na região metropolitana de Vitória. 


Deixe seu comentário sobre a notícia

Seu nome/apelido:
Seu comentário:
Digite o que você vê na imagem abaixo: *
   

 
Revista Bike Action
Revista Moto Action