Buscar: Em:
Yamaha amplia participação nas competições e anuncia maior incentivo a pilotos
 

  
  
29/01/2018

O ano de 2018 promete, principalmente para a Yamaha Motor do Brasil, que estará amplamente presente nas principais competições de motocicleta, sejam elas na terra ou no asfalto.


Ao todo, serão 23 pilotos que defenderão o azul da Yamaha em modalidades como motovelocidade, motocross, arenacross, enduro de regularidade, enduro FIM, rally e, até mesmo, uma desafiadora e centenária subida de montanha, disputada nos Estados Unidos.


Esquentarão a cena motociclística neste ano, o envio de dois pilotos que se destacaram na Yamalube R3 Cup em 2017 para o programa Yamaha VR46 Master Camp, na Itália, e também o lançamento no Brasil do programa de incentivo a pilotos, o bLU cRU, já presente nos Estados Unidos, Europa, Ásia e outros países.


AS EQUIPES E PILOTOS DO OFF-ROAD


Para 2018, a Yamaha investirá forte no off-road, com times de alto nível focados nas principais categorias, e incentivando e apoiando a prática do motociclismo fora de estrada.


YAMAHA MONSTER ENERGY GERAÇÃO



Vencedora do Campeonato Brasileiro de Motocross pela quarta vez em 2017 na MX-1, a principal categoria da modalidade, a equipe Yamaha Monster Energy Geração se tornou uma referência no motocross nacional, sendo a equipe que mais conquistou títulos na categoria principal na última década.


Para a temporada deste ano, Carlos Campano, atual campeão Brasileiro na MX-1 promete trabalhar duro para manter sua hegemonia, buscando seu pentacampeonato Brasileiro de Motocross a bordo de uma Yamaha YZ450F. O piloto de origem espanhola também disputará mais dois campeonatos, o Espanhol de Motocross e Catarinense de Motocross.


Jean Ramos é outra grande promessa da Yamaha Monster Energy Geração. Também correndo de YZ450F, o piloto paranaense tentará repetir o feito de 2017, buscando o tricampeonato na categoria principal do Arena Cross. Jean Ramos disputará o Campeonato Brasileiro, o Catarinense de Motocross e atualmente faz pré-temporada nos Estados Unidos


Quem brigará pelo bicampeonato na MX-2 ao guidão de uma YZ250F será Fábio Santos. Além do Campeonato Brasileiro de Motocross, o piloto do interior paulista competirá no Arena Cross e no Campeonato Catarinense de Motocross.


Tido como uma das revelações do motocross nordestino, o pernambucano Tallys Nathan é o mais novo integrante da equipe Yamaha Monster Energy Geração. Correndo com uma Yamaha TT-R 230 e uma YZ250F, o jovem piloto de apenas 18 anos disputará o Campeonato Brasileiro de Motocross, o Brasil Nordeste de Motocross e o Pernambucano de Motocross.


O quinto membro a integrar a Equipe Yamaha Monster Energy Geração, é Ricardo Martins. Experiente, o piloto catarinense acelerará sua Yamaha WR450F em busca de seu 5º título no Brasileiro de Rally, e buscará o inédito título da categoria principal no desafiador Rally dos Sertões.


YAMAHA O2BH RACING


Criada e desenvolvida em uma região considerada o coração do enduro no Brasil, a equipe Yamaha O2BH Racing vem com tudo para a temporada 2018. Além de bem munida, com as inovadoras e poderosas YZ250FX e YZ450FX, além das WR250F e WR450F, a equipe sediada em Belo Horizonte MG, aposta em consagrados pilotos para colecionar vitórias ao longo do ano.


O talento e amor pelo motociclismo off-road é a marca registrada da equipe. Dentre seus pilotos, Jomar Grecco é o mais experiente. Ao Guidão das WR250F e WR450F, o capixaba de 42 anos disputará o Campeonato Brasileiro de Regularidade, Campeonato Capixaba de Enduro FIM e de Regularidade, e tentará o pentacampeonato no Enduro da Independência e no Ibitipoca Off Road, os principais do país.


Outra estrela da equipe Yamaha O2BH Racing, é Rômulo Bottrel. O mineiro buscará, com uma Yamaha YZ450FX, o tetra Campeonato Brasileiro de Enduro FIM, e repetir o feito de conquistar novamente uma medalha de ouro no ISDE (International Six Days Enduro), que acontecerá no Chile.


Patrick Capila, o jovem piloto de 18 anos nascido no estado do Espírito Santo, promete tirar tudo de sua Yamaha YZ250FX na busca por colocar a equipe Yamaha O2BH Racing no topo de pódio no Campeonato Brasileiro de Enduro.


Outra fera da Equipe Yamaha O2BH Racing que deverá surpreender na temporada 2018, é Ronald Santi. A bordo de uma TT-R 230, o piloto mineiro tem como foco para 2018, faturar o Campeonato Brasileiro de Enduro FIM. Talento para isso, ele tem! 


Também competindo com a valente Yamaha
TT-R 230, Fábio Coelho do Amaral defenderá as cores da Equipe Yamaha O2BH Racing disputando o Campeonato Brasileiro de Regularidade, o campeonato Mineiro de Regularidade, além de lutar para conquistar o bicampeonato no Enduro da Independência. 


DA TERRA PARA O ASFALTO


No on-road, o foco da Yamaha está voltado para a Yamalube R3 Cup. Seja pelo número de participantes – média de 30 pilotos por grid –, pelo interesse do público ou mesmo pela competitividade que elevou o nível dos pilotos, preparando-os para outras categorias, a Yamalube R3 Cup superou todas as expectativas em 2017. 


Para 2018, a R3 Cup do Brasil tem tudo para se tornar a maior dentre todos os países em que a competição está presente. Para isso, haverá mais recursos na preparação e treino dos pilotos, lapidando-os para categorias superiores e até mesmo para campeonatos fora do Brasil.


Os jovens talentos escolhidos para fazerem parte da equipe Oficial da Yamaha, a Team PlayStation Yamaha Racing, tem em comum a garra e a vontade em progredir em sua pilotagem.


Formada por dez jovens pilotos com idade entre 13 e 16 anos, a equipe oficial da Yamaha tem tudo para se sobressair ainda mais na temporada 2018. Isso porque além de receberem instruções do Piloto Rafael Paschoalin e Alan Douglas, que atuarão como técnicos junto à garotada, também participarão de atividades que desenvolvam o físico, o raciocínio e até mesmo o controle emocional.


Os pilotos da Equipe Yamaha PlayStation são:


Humberto Cezar Maier Neto - Paulista da capital, nascido em 28/10/2005. 


Kaywan Alves Freire da Costa - Brasiliense da capital, nascido em 14/07/2003.
Davi de Jesus Machado Gomide - Paulista da capital, nascido em21/10/2001.
Leopoldo Rubens Manella - Paranaense de Londrina, nascido em 23/10/2002.
Felipe Cortado Macan - Paulista de Campinas, nascido em 28/04/2003.
Rafael Antonio F. e Silva -
Brasiliense do Dist. Federal, nascido em 31/05/2003.
Rubens Mesquita Barros -
Paulista da capital, nascido em 17/08/2004
Rodrigo Camponêz Gregório - Capixaba de Vitória, nascido em 19/08/2002


Nicolas Cenedesi Silveira - Paulista da capital, nascido em 29/11/2002



Gustavo Manso Alves - Paulista da capital, nascido em 19/11/2004


YAMAHA VR46 MASTER CAMP


A oportunidade que a Yamalube R3 Cup dará para dois talentos que se sobressaíram na categoria stock em 2017 é um dos destaques da competição, e vai ao encontro com o objetivo do projeto, que é descobrir e desenvolver novos talentos da motovelocidade.


O que poderia ser mais incrível para um jovem piloto do que passar dias treinando junto a Valentino Rossi, o ícone máximo do motociclismo mundial que detém 9 títulos mundiais?


É o que acontecerá em maio deste ano com dois brasileiros selecionados pela Yamaha Motor do Brasil pelos excelentes resultados apresentados ao longo da temporada e também por se enquadrarem dentro da idade máxima requerida pelo treinamento.


Eliton Kawakami e Bruno Cesar Borges – vencedor da categoria Stock e vice-campeão da categoria Pro –, irão treinar com Valentino Rossi por uma semana. Eles receberão instruções dos instrutores e pilotos em tempo integral no Rancho de Rossi, que já se tornou uma verdadeira academia de pilotos, e também no Circuito Mundial Misano Marco Simoncelli.


Outros pilotos farão parte do seleto time da Yamaha Racing na temporada 2018. Eles também buscarão levar a Yamaha ao topo do pódio, reforçando a esportividade presente no DNA da marca.


Ávido por repetir o feito de 2017, quando conquistou o Campeonato Brasileiro de Rally Baja, o paulista Rodrigo Khezan promete tirar tudo de sua Yamaha TT-R 230 para faturar o bicampeonato.


Longe da terra e acelerando ao máximo sua Yamaha nas curvas sinuosas do gelado asfalto da tradicional subida de montanha, a International Pikes Peak Hill Climb, o outro piloto oficial Yamaha Racing é Rafael Paschoalin.


Após ter ficado em segundo lugar em sua categoria, correndo com uma Yamaha MT-07, o piloto paulista buscará a vitória em 2018 da centenária competição ao guidão de uma MT-09.


Por fim, não menos importante, Jorge Negretti, a lenda viva do motociclismo brasileiro, segue como integrante da Yamaha Racing defendendo a marca em eventos e competições ao longo de 2018. 


BLU CRU: POR UM MOTOCICLISMO MAIS AZUL


Agora o Brasil também passa a contar com o bLU cRU da Yamaha, o maior programa de incentivo ao esporte dos últimos tempos no motociclismo Brasileiro. O nome bLU cRU, é uma alusão ao termo “Blue Crew” que significa “Tripulação Azul”, e tem como objetivo de oferecer benefícios exclusivos aos proprietários de motocicletas Yamaha nos principais campeonatos nacionais.  


Assim como acontece nos Estados Unidos, Europa e Ásia, a Yamaha Motor do Brasil busca oferecer a seus clientes um relacionamento único, aproximando-se dos pilotos que utilizam uma motocicleta Yamaha para competir, seja com intuito de diversão, de forma amadora, e até mesmo como profissional. 


Para fazer parte do programa bLU cRU, basta que os pilotos participem dos campeonatos apoiados pela Yamaha Motor do Brasil em 2018, competindo com motocicletas Yamaha. Pela diversidade das várias modalidades que o programa estará presente, haverá uma regulamentação específica para cada campeonato em que a Yamaha Motor do Brasil participará com o bLU cRU. 


Os campeonatos em que o bLU cRU estará presente, são:


On Road: 



• Super Bike Brasil – Yamalube R3 Cup;

Off Road:



• Campeonato Brasileiro de Motocross; 
• Campeonato Catarinense de Motocross;
• Campeonato Brasileiro de Enduro FIM; 
• Enduro da Independência; 
• Ibitipoca Off Road; 

Os benefícios oferecidos pelo programa bLU cRU comuns a todas as modalidades, é o subsídio na compra de peças e equipamentos com desconto de até 60%, apoio técnico que estarão presentes nas competições, e o Kit bLU cRU, composto por camisetas, guarda-chuvas, squeeze, bonés, e mochilas que serão cedidos aos pilotos.


Na Yamalube R3 Cup, os pilotos terão desconto na compra da motocicleta, podendo adquirir uma YZF R3 ano/modelo 2018 com valor de R$ 15.200,00, diretamente com a organização do campeonato Super Bike Brasil. Essa venda com valor subsidiado pelo bLU cRU está limitada a 40 unidades. 


Já no Campeonato Brasileiro de Motocross, o destaque é a premiação, que será de até R$ 250.200,00 para pilotos privados que competirem com motocicletas Yamaha, ano/modelo igual ou superior a 2013 nas categorias: MX2; MX2Jr; MX3; Nacional.  O valor da premiação em dinheiro será conforme sua classificação geral em cada etapa, com valores podem chegar a 5 mil reais.


Outra vantagem concedida pelo programa aos pilotos que disputarem o Brasileiro de Motocross, é o bLU cRU Upgrade Program. Nele, ao final do Campeonato Brasileiro de Motocross, os pilotos privados das categorias MX2; MX2JR e/ou Nacional que terminarem o campeonato entre os 5 primeiros colocados, serão incluídos na equipe satélite oficial da Yamaha Monster Energy Geração em 2019. Será selecionado no máximo um piloto por categoria, caso haja mais de um piloto entre as 5 primeiras colocações será escolhido o melhor colocado entre eles. Contudo, para ser selecionado, o piloto precisa disputar ao menos 50% das baterias de sua categoria no ano de 2018 com motocicletas Yamaha.


Já no Catarinense de Motocross, a premiação pode chegar a quatro TT-R 230 0km, enquanto que no Enduro da Independência 2018, os primeiros 50 inscritos – seguindo o regulamento que estará disponível no site do Enduro da Independência até 09/02/2018 – que competirem com motocicletas Yamaha, terão desconto de 50% na inscrição.


TORNANDO-SE UM BLUE RIDER


Além das ações do bLU cRU, que fomentará os pilotos proprietários de motocicletas Yamaha a fazerem uso esportivo de suas motos, a Yamaha Motor do Brasil lança a promoção ”COMPROU GANHOU O KIT TT-R 230 ASW RACING”, que servirá de incentivo para que muitos motociclistas ingressem no off road.


Ao comprar uma TT-R 230 0km, o participante ganhará um belo e completo kit off road da ASW, composto por colete de proteção, cotoveleiras, joelheiras, bolsa de ferramentas, bolsa de hidratação, uma ampla bolsa para guardar ou transportar todos estes equipamentos, calça e camisa, que por sua vez pode ser customizada com o nome e número desejado.


A promoção, que começa em fevereiro, terá a duração de dois meses e está restrita aos 230 primeiros compradores da TT-R 230.


Além disso, para incentivar e facilitar a compra deste modelo, a Yamaha já disponibilizou contas no Consórcio Nacional Yamaha e abriu linhas especiais de crédito, em que é possível adquiri-la com entrada de 50% e o restante financiado em 24x com taxa de juros de reduzida.


 


 



 

Fotos
Presidente da Yamaha (a esq.)  
  
Laner da assessoria  
  
Ricardo Susini  
  
  
  
Kawakami (a esq.)  
  
Paschoalin  
  
Negretti (aesq.), Campano e Sandro da Geração  
  
Guto da O2BH Yamaha  
  
Jomar Grecco (a esq.)  
  
  
  
Vitor da Yamaha  
  
Heelio (a esq.), Bruno, Presidente e Pedro  
  
  
  
  
  

Deixe seu comentário sobre a notícia

Seu nome/apelido:
Seu comentário:
Digite o que você vê na imagem abaixo: *
   

 
Revista Bike Action
Revista Moto Action